sábado, 11 de fevereiro de 2012

Mulher de 24 anos é agredida na madrugada do sábado em Picuí por adolescente.


Por volta das 02:30hs do sábado(11) a senhora A.B.G.V. de 24 anos  estava na companhia de dois amigos no espetinho do popular Manoel, localizado em frente ao estadio municipal quando foi abordado por adolescente infrator já conhecido da sociedade de Picuí, com 17 anos e 11 meses (Não podemos colocar suas iniciais e nem apelido e nem parentesco), o qual chegou apoiou as duas mãos em cima de sua mesa de forma intimidadora falando palavras ofensivas contra os mesmos; a vítima vendo que o dono do estabelecimento não faria nada para tirar o adolescente daquele local e a mesma querendo evitar confusão, PRIMEIRO por ele ser de menor idade e SEGUNDO por não ter nenhum grau de amizade ou conhecimento com o mesmo, resolveu pagar a sua conta e se dirigir para casa com seus dois amigos.



Durante todo o trajeto do espetinho até sua residência o adolescente os seguiu "tirando onda" com uma caixinha de som portátil e quando chegou próximo a Bia Gráfica o mesmo resolveu agir já que o local era escuro e indagou a vítima: "Tá me tirando de tempo?" com relação ao fato da vítima ter se retirado da mesa e não ter ficado com medo do mesmo no espetinho e avançou para cima da vítima dando socos e tapas em seu rosto, nesse momento seus dois amigos interviram para separar e o mesmo continuou "tirando onda", "Vai na delegacia prestar queixa eu sou de menor!" "Não posso ser preso!", mesmo assim a vítima se dirigiu a delegacia para registrar a ocorrência mas não obteve o acompanhamento de seus dois amigos, pois os mesmos não acreditam que ele venha sofrer sanções penais por ser de menor, pois já pintou e bordou na cidade e não foi internado em outras ocasiões e recebeu conselho de populares que procura-se o irmão mais velho dele que é quem comanda o Limeira após a prisão de André de Zila, a morte de Galego de Nayara e Pretinho.
Ao ser questionada sobre quem seria esse irmão mais velho a mesma disse que não conhece e não se recordava o nome que tinham dito a ela.
A vítima acredita que essa perseguição ocorreu devido ao fato da mesma trabalhar algumas vezes em bares durante a noite e seus amigos serem homossexuais.


Segundo o que a vítima ficou sabendo na delegacia o encorajamento do adolescente ocorreu devido ao fato que o mesmo juntamente com um irmão havia denunciado policiais por uma falsa denuncia de tortura e depois disso os mesmos conseguiram apoio de diversos órgãos protetivos das Crianças e Adolescentes Infratores neste município  mostrando que os mesmos eram adolescentes bons, mesmo havendo inúmeros procedimentos contra os adolescentes, com isto os policiais não podiam conduzir eles até a delegacia naquela hora senão estivesse na companhia de um conselheiro Tutelar ou a genitora do mesmo, podendo haver outro processo contra os policiais. Foi registrado a Ocorrência Policial e realizado exame de Corpo de Delito na vítima e em seguida será intimado o adolescente com a sua genitora ou um conselheiro Tutelar responsável por defender os direitos dos adolescentes.



"Enquanto a Maria da Penha defende as mulheres que sofrem dentro do lar, qual a lei que defende a mulher que apanha na rua de um homem?
Elas deixam de ser mulher, sexo frágil só porque não tem relacionamento com este homem?
Até quando adolescente com biótipo e mente mais desenvolvida para o crime muito mais avantajado do que muitos homens de 25 até 30 anos continuarão a ser tratados como crianças?"

14 comentários:

  1. A lei maria da penha aplica-se a todas as mulheres e em todas as situações e lugares.
    Ela pode (raramente) até ser aplicada por analogia em defesa de homens que sofreram agressão de mulheres.
    Além disso é possível aplicar os artigos do CP que tratam de agreção. dentre outros artigos.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será mesmo!? Em qual parte da lei diz isso? Poderia nos explicar, pois na mídia só fala em mulheres que tenha algum parentesco ou relacionamento amoroso com o acusado.

      Excluir
    2. A lei Maria da Penha, só aplica-se a violência DOMESTICA.
      Lei pura:
      TÍTULO I
      DISPOSIÇÕES PRELIMINARES
      Art. 1o Esta Lei cria mecanismos para coibir e prevenir a violência DOMÉSTICA e familiar contra a mulher, nos termos do § 8o do art. 226 da Constituição Federal, da Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Violência contra a Mulher, da Convenção Interamericana para Prevenir, Punir e Erradicar a Violência contra a Mulher e de outros tratados internacionais ratificados pela República Federativa do Brasil; dispõe sobre a criação dos Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher; e estabelece medidas de assistência e proteção às mulheres em situação de violência doméstica e familiar.
      CAPÍTULO I
      DISPOSIÇÕES GERAIS
      Art. 5o Para os efeitos desta Lei, configura violência doméstica e familiar contra a mulher qualquer ação ou omissão baseada no gênero que lhe cause morte, lesão, sofrimento físico, sexual ou psicológico e dano moral ou patrimonial:
      I - no âmbito da unidade doméstica, compreendida como o espaço de convívio permanente de pessoas, com ou sem vínculo familiar, inclusive as esporadicamente agregadas;
      II - no âmbito da família, compreendida como a comunidade formada por indivíduos que são ou se consideram aparentados, unidos por laços naturais, por afinidade ou por vontade expressa;
      III - em qualquer relação íntima de afeto, na qual o agressor conviva ou tenha convivido com a ofendida, independentemente de coabitação.
      Parágrafo único. As relações pessoais enunciadas neste artigo independem de orientação sexual.
      Art. 6o A violência doméstica e familiar contra a mulher constitui uma das formas de violação dos direitos humanos.

      Se a vitima tinha algum tipo de convívio permanente, ai pode ser aplicada a Maria da Penha, se NÃO, aplica-se Agressão Física e Moral, como não quebrou uma perna ou braço ou vazou um olho é de natureza LEVE.

      Excluir
  2. Sera possivel que picui vai ficar a mecer destes menores (bandidos) fazendo o que bem quer e se achando. cader o poder publico juto com o conselho nao vao fazerem nada para retirar estes sujeitos das ruas? a mae nao pode, ja perdeu todo o dominio dele pois se ela tivesse ordem com ele,o mesmo nao esteria alta hora nas rua fazendo o que nao presta a mae tem que colocar limites quando ainda e pequeno mas nem pra estuda ela colocou!imagine como!! Ai quem vive neste BRASIL preso somos nós cidadoes. nem para ter um pouco de lazer nao podemos já que em PICUI ninguém vive vegeta.

    ResponderExcluir
  3. picui nao é mais aquela cidade em que eu nasci

    ResponderExcluir
  4. picui nao e mais como era picui ja foi bon hoje nao e mais pois niguen tem mais sussego nem tando em casa, porque ainda tem bandidos que vai tirra o disaçusego dos cidadoes que ta em casa dormindo seu sono sosegado.e agora o que sera de nois moradores da cidade .
    so deus e quem pode protegera nossa cidade,que justicia nao resovem nada descupa se atingie vc justicia do nosso brasil...

    ResponderExcluir
  5. E Preciso rever as LEIS DESTE PAIS,É menor mas para fazer barbaridedes são capazes?ATENÇÃO CONSELHO TUTELAR é lastimavel a situação,voces viram,pois todos estavão lá.precisa ser feito muita coisa.procurem ajuda e vamos resolver o problema que a cada dia só aumenta.boa sorte.

    ResponderExcluir
  6. Enquanto não houverem leis que verdadeiramente punam tais infratores, nós cidadãos de bem ficaremos a mercê desses infratores sem qualquer educação ou visão de um futuro melhor. A culpa e desse maldito e corrupto sistema brasileiro, que quer todas as crianças na escola, teoricamente falando, mas que na verdade, implanta reles programas sociais que satisfazem a pobre população desse país, mas que nada garantem a esse povo batalhador, que não cansa de lutar por seus sonhos e uma vida melhor.

    ResponderExcluir
  7. tem hora quer dar vergonha de ser brasileiro,esse cara já pode votar1 e porque nao ser preso?

    ResponderExcluir
  8. Isso é um absurdo, bandido sem caráter e sem escrúpulos, mau conduta, pode até fugir da justiça do homem, mas duvido que escape da de Deus!

    Respeito é bom e todos merecem, isso não deveria ser protegido pela lei, uma pessoa assim tem que ser no mínimo para um internato, não é porque é de menor que pode usar isso para fazer e aprontar, cadê os governantes de Picuí que não tomaram nenhuma atitude???

    Temos uma deputada federal mulher nesse município! Cadê ela que não protege as mulheres???

    Espero que isso sirva para despertar um projeto em Picuí e região em defesa das mulheres que na verdade são muitas vezes agredidas em suas próprias residências e não tem nenhuma delegacia voltada para o direito das mulheres!

    É uma vergonha Brasil!!!

    ResponderExcluir
  9. Você acredita realmente que uma Delegacia da Mulher funcionária nesse caso??
    Tá muito enganado muitos adolescentes recebem inúmeras chances antes de ser internado. Precisa matar um ou roubar gente influente para se recolhido a um abrigo, não se iluda Delegacia da Mulher não faria mais do que está na lei. Ele é Adolescente infrator! Não pode ser preso.

    ResponderExcluir
  10. infelismente..esse é o pais que vivemos.o que nôs seres humanos temos que fazer? se fazer justiça com asproprias mãos é totalmente contra as leis desse pais. mais vai chegar um dia que nimguém vai aguenta tantas imoralidade ao cidadão. só por(ele ou ela) freguentarem bares e casas nortunas da cidade nenhum indivíduo tem o direito de sair espacando; a questão esta na lei, por que o menor infrator é acobertado por ela,e,isso é um prato cheio pra quem tem vocação pra ser marginal ou pra quem ja é, que ja tem aquela induli de ser preconceituoso.sou de picui?

    ResponderExcluir
  11. Até quando a "Lei" vai proteger estes marginais tidos como "crianças"? Sou totalmente a favor da diminuição da menor idade, pois acredito q com pelo 12 anos a pessoa já sabe muito bem o q faz e deveria responder pelos seu atos. É por isso q acontecem e vão continuar a acontecer agressões contra as mulheres e outros, como idosos e crianças, pq a lei os defendem dizendo q menores de 18 anos não podem responder pelos seus atos e eles fazem o q querem e têm vontade e ficam impunes por isso. No Brasil, a maioria das leis só defendem bandidos, marginais e criminosos, já passou da hora de mudarem essas leis.

    ResponderExcluir

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.