domingo, 11 de março de 2012

Luan Michael Pimenta da Silva e a sua vida de Crime


09/10/2010
Integrantes de quadrilha são presos


Policiais civis da 2ª DP prenderam, na tarde da última terça-feira (5), em Caruaru, dois suspeitos de realizarem assaltos na cidade. Um menor de 16 anos e Marcos Antônio Menezes da Silva, 18 anos, foram autuados em flagrante. Já os outros integrantes da quadrilha, identificados por Luan Michael Pimenta da Silva, 21, e Leandro Bezerra dos Santos, 19 anos, conseguiram escapar. Na abordagem, a polícia trocou tiros com os acusados. Segundo informações repassadas pela polícia, do último domingo (3) até a manhã da terça, os meliantes já haviam efetuado mais de dez assaltos no município.

O bando estaria envolvido em várias ações criminosas no São João da Escócia, Cidade Jardim, Cedro, Cohab III e Maurício de Nassau. Com eles, a polícia apreendeu duas armas, além das motocicletas de placas KLN-2097, NXI-8302 e KJT-0198, todas provenientes de assalto. "Já tínhamos recebido informações sobre o grupo. Em diligência, constatamos que a quadrilha havia assaltado um restaurante e teria tentado roubar uma moto. Quando chegamos ao estabelecimento seguimos a rota de fuga dos suspeitos e conseguimos prendê-los", disse o titular da 2ª Delegacia de Caruaru, Rodolfo Bacelar.

Até o fechamento desta edição - na tarde da quinta-feira (7) - 12 vítimas já haviam reconhecido os acusados. "Acredito que outras pessoas foram assaltadas pelo bando. Então, solicitamos que essas vítimas compareçam à delegacia para realizar o reconhecimento. Assim, eles pagarão por todos os crimes que cometeram", acrescentou Bacelar. Os suspeitos responderão pelo crime de roubo. Marcos Antônio foi encaminhado para a Penitenciária Juiz Plácido de Souza, enquanto o menor para a Funase de Caruaru.
______________________________________________________

07/03/2012

Dois são presos por matar idoso


DANIEL MOTTA


 Campina Grande- Dois homens foram presos ontem, em Cuité, no Curimataú paraibano, acusados de assassinar um idoso durante um assalto a uma agência lotérica da cidade de Nova Floresta, ocorrido na manhã da última terça-feira. Anderson Vagner dos Santos, 21, e Luan Michael Pimenta Silva, 22, são acusados de praticarem vários crimes na região e também estão sendo investigados de ter ligação com os irmãos Eduardo Pereira dos Santos e Luciano Pereira dos Santos, mentores da ‘barbárie de Queimadas’. Além dos dois acusados, a polícia também está à procura de mais um 
integrante da quadrilha, conhecido por Luanderson Pimenta da Silva, 23, que seria o líder da quadrilha especializada em assaltos a agências bancárias na região. Os dois presos foram autuados pelos crimes de assalto, homicídio, formação de quadrilha e porte ilegal de armas.
De acordo com o delegado de Cuité, Omar José Ramos, os acusados foram presos durante a madrugada de ontem. Eles estavam escondidos em um matagal entre as cidades de Pícui e Cuité. Com eles, foram apreendidos R$ 170 que haviam sido roubados da agência lotérica, armas e um carro que eles haviam roubado durante um assalto realizado em Picuí na última segunda-feira.

Ao levantar a ficha de antecedentes criminais dos acusados, o delegado disse que foi constatado que Anderson Vagner é foragido do presídio de Caruaru e os outros dois envolvidos nos crimes, os irmãos Luan e Luanderson, são foragidos de Brasília e estavam morando na cidade de Queimadas, no Agreste paraibano. “Diante disso, estamos investigando junto com a polícia de Queimadas, se eles possuem ligação com os acusados de cometerem o estupro coletivo e a morte de duas mulheres. Já estamos fazendo o levantamento de tudo e esperamos desvendar se existe essa ligação o mais rápido possível”, explicou o delegado.

 O assalto
O assalto a agência lotérica de Nova Floresta ocorreu durante a manhã de terça-feira, quando os três homens invadiram o estabelecimento armados de pistolas e revolveres calibres 38 e renderam os funcionários. No momento da ação, eles foram surpreendidos com a chegada de uma viatura da polícia militar e para conseguir fugir, os assaltantes disparam tiros contra os policiais. No meio do tiroteio, o aposentado Letício Macedo Dantas foi atingido com disparo no coração, no momento em que passava em frente à agência. O idoso não resistiu aos ferimentos e morreu no local.
fonte: Correio da Paraíba.


Continua foragido Luanderson...

Colaboração enviada por e-mail por um internauta no dia 07 de março.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.