segunda-feira, 28 de maio de 2012

PICUÍ PB: Nas noites Picuiense, menores estão amedrontando alunos no final das aulas.


"Algumas pessoas procuraram a nossa redação informando que está existindo um fato em nossa cidade que precisa ser feito alguma coisa. O problema é que alguns pivetes estão esperando nas esquinas outros jovens adolescentes, alunos e alunas que estudam a noite em escolas de nossa cidade e tomando, através de ameaças verbais e de forma agressiva seus aparelhos celulares. Essa ação delinquente vem acontecendo sempre no final das aulas no trecho entre os quiosques e a Rua Semão Leal em dias alternados. Essas pessoas estão solicitando que seja intensificada uma ronda policial nesse trecho e horários mencionados.

Na qualidade de formador de opinião aconselhei essas pessoas a procurarem a delegacia e que se registre a ocorrência, pois mesmo sem poder fazer nada, devido serem menores de idade, a polícia armazena informações para se traçar um plano de atuação da ronda policial. A nossa policia militar que já realiza essas rondas policiais, precisa dessas informações para poder traçar um plano de trabalho, pois não pode está em vários pontos da cidade ao mesmo tempo.

Notamos também que algumas dessas vítimas facilitam a ação desses pivetes, pois sempre vejo nas ruas de nossa cidade, muitas vezes tarde da noite, jovens ouvindo musicas em celulares, demonstrando assim serem possuidores de aparelhos modernos, o que chama a atenção desses pivetes infratores. 

Portanto se chegar algum menor, querendo te vender algum aparelho celular, muito cuidado, ele pode ter sido tomado de alguém." - Radialista Francisco Araújo Cenecista AM.

Todas informações relatada pelo radialista são verídicas nesta matéria. Precisamos do apoio da população, não adianta ser furtado ou roubado pelos adolescentes  e deixar por isso mesmo. É preciso se dirigir a delegacia com os documentos do celular e registrar queixar ou avisar na delegacia o que está acontecendo ou simplesmente falar com algum policial na viatura e informar o que está acontecendo pelas ruas de Picuí, não tem como a polícia realizar um bom trabalho sem a participação da população.
É de conhecimento dos cidadãos que adolescentes infratores que estavam fora da cidade em "reabilitação" já retornaram e muito pior do que antes e ultimamente tem se aumentado o número de adolescentes viciados em drogas como o crack em nossa cidade só que está cada dia mais difícil, se chegar ao traficante devido a falta de denuncias e colaboração.

Sem denuncias não há resultados.
Você vai ficar calado?

Um comentário:

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.