segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Após justiça determinar liberdade de traficante de Cocaína em menos de 8 dias, Delegado Durval Barros pedirá a prisão Preventiva.


Na manhã desta segunda-feira, 31 de dezembro as vésperas do ano novo, o Delegado Titular da Delegacia de Barra de Santa Rosa, Bel. Durval Barros, falou sobre a apreensão do entorpecente Cocaína na sua cidade ocorrido no dia 23 de dezembro, (oito dias atrás), onde de início a Polícia Militar do 9ºBPM, aprendeu o traficante GENITO DA SILVA, 26 ANOS com 10 capsulas (pinos), após apresentarem o acusado ao Delegado, o mesmo tomou a frente da ocorrência e na companhia do acusado realizaram uma vistoria na casa dele vindo a encontrar mais nove pinos vazios e diversos celulares  e fermento para aumentar o volume da droga, além de  placas de motos.
Em grandes metrópoles o traficante não reaproveita os pinos dos usuários, já que o mesmo não quer ter problemas para ser identificado, mas Genito achou mais fácil reaproveitar os pinos até porque não poderia ser jogado em qualquer local da cidade ou região, pois criaria provas da real existência da Cocaína na região do Curimataú.
É relevante frisar que Cocaína não é uma droga de qualquer tipo de usuário, principalmente em nossa região que ela ainda é escassa e cara. É uma droga da elite devido o seu preço não se comparar a Maconha e Crack (um sub droga feito a partir da Cocaína e que possui preço reduzido).

A Cocaína é uma droga que não deixa vestígios aparente em seus usuários, já que a mesma é “cheirada”, colocado o pó para dentro das vias aéreas e como o nariz possui diversos vasos sanguíneos sensíveis o efeito chega rapidamente ao cérebro, quase que de imediato, também é consumido em festas em rodas de amigos, onde eles distribuem a drogas nas chamadas “fileiras” em cima de uma mesa e na falta de um canudo, ou tubo de caneta, utilizam notas de dinheiro enrolado formando assim um canudo, e inalam a droga.
A única forma aparente de identificar um usuário é quando este já consome há muito tempo, e os vasos sanguíneos do nariz se rompem e começam a necrosar, também é comum uma coceira repetitiva no nariz e uso de remédio para vias aéreas, para diminuir o incomodo.

Mesmo com todo esse mal que esta droga veem trazendo para sociedade, além da organização que está por trás para ter feito esta droga chegar à cidade de Barra de Santa Rosa e que por sinal tem como entrada principal a fronteira de Nova Floresta/PB com Jaçanã/RN, já que alguns moradores de Nova Floresta já foram presos pela Polícia Rodoviária Federal no território  do Rio Grande do Norte transportando drogas para a Paraíba, a justiça determinou o relaxamento da prisão do acusado vindo a colocá-lo na rua,  mesmo assim o Delegado Durval Barros encaminhará o justiça após o recesso de fim de Ano da Justiça um pedido de Prisão Preventiva que já se encontra pronto, já que ficou várias perguntas sem respostas sobre este caso e a sociedade que luta constantemente contra este mal quer saber o porque que um traficante que está destruindo famílias vai para rua enquanto que nas propagandas das televisões pedem para que todos lutem contra ela .
O Delegado informou ainda que a Polícia Militar do 9º BPM fez o seu trabalho, a Polícia Civil tentou iniciar as investigações que foram abruptamente parados, devido o relaxamento da prisão e que novamente tentarão continuar após apreciação do Pedido de Prisão Preventiva.

“Desejo a todos um final de Ano com muita Paz, Saúde e Alegria as famílias paraibanas”, disse Durval Barros, Delegado de Barra de Santa Rosa/PB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.