sábado, 30 de novembro de 2013

Pernambucano assalta hotel e tenta estuprar 4 mulheres em Campina Grande/PB

(Sebastião: preso em flagrante)
A Polícia Militar (2ºBPM) em Campina Grande prendeu em flagrante na manhã deste sábado (30/11), o pernambucano Sebastião Ferreira da Silva, de 53 anos.
Ele é acusado de roubar e tentar estuprar, ao menos, quatro clientes de um hotel no Centro da cidade.
A primeira informação recebida pela PM é que  o hotel estava sendo assaltado, quando as guarnições chegaram ao local, perceberam que se tratava de outra ocorrência.
“Chegamos e descobrimos que se tratava de roubo seguido de tentativa de estupro. Imediatamente as guarnições foram acionadas e conseguimos capturar o acusado cerca de cinco minutos depois, quando ele já tentava fugir”comentou a cabo Josilene Lima.
Para não despertar desconfiança, Sebastião chegou a se hospedar no hotel.
Depois disso, de acordo com a polícia, ele começou a identificar possíveis vítimas.
A preferência do acusado eram as mulheres porque além de roubar, também planejava praticar os abusos sexuais.
“Ele rendeu as quatro garotas com uma faca. Depois que conseguiu roubar os celulares e dinheiro das jovens ele seguia para praticar o estupro”.
Sebastião foi encaminhado para Central de Polícia Civil e acabou sendo identificado por agentes de investigação como sendo o mesmo suspeito que vinha agindo em hotéis da cidade a pelo menos 30 dias.
(Sebastião foi preso pela Rádio Patrulha)
“Já estávamos procurando esse rapaz há cerca de trinta dias. Ele praticou ação semelhante em outro hotel. Além de roubar a jovem, ele ainda praticou o estupro”, comentou um dos agentes.
Questionado, o pernambucano foi irônico e disse que não queria comentar o assunto:“eu só me declaro na presença do juiz”.
O acusado foi autuado em flagrante e deverá ser encaminhado para a Penitenciária e Segurança Padrão de Campina Grande.
(Possível vítima deixando a Central de Polícia)
A Polícia Civil ainda fez um apelo para que outras possíveis vítimas do dele possam comparecer a delegacia para fazer o reconhecimento e consequentemente, abrir o procedimento de investigação.
(Por blogdomarciorangel)
Fotos: Márcio Rangel

Um comentário:

Valdemira disse...

Só Deus na causa, viu?

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.