terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

9ºBPM prende gangue que aterrorizava a região do Curimataú/Seridó paraibano.


Em cumprimento a um mandado de prisão, policiais do 9º Batalhão de Polícia Militar, sob o Comando do Sargento Joelson, prenderam na tarde desta terça-feira, 4, três pessoas acusadas da prática de diversos crimes no compartimento do Seridó e Curimataú paraibanos. Dentre eles, destaque para Gutemberg Ferreira do Nascimento (Berg), 27 anos, acusado de ter participado da fuga que causou, em 2013, a morte do Cabo Moreira, nas estradas vicinais do município de Sossego-PB.


No momento da prisão, os criminosos ameaçavam diversas pessoas que se deslocavam nas imediações do sítio Bela Vista, pertencente ao município de Cuité. Os outros acusados se tratam de: Alexandre Gomes da Silva, 18 anos e José de Lima Santos, 50 anos.
De acordo com os policiais, os bandidos estavam refugiados em um sítio localizado próximo ao Açude do Cais, em Cuité-PB. Com os acusados, foram apreendidas duas armas de fogo, três motocicletas, sendo uma identificada como produto de roubo/furto e as demais com procedência duvidosa.


Com a quadrilha, os policiais apreenderam as seguintes armas e/ou objetos:
* 01(um) revólver da marca taurus, calibre .38, 06 tiros oxidado, numeração 164427, contendo 03 munições intactas;
* 01(um) revólver da marca Rossi, calibre .38, 05 tiros, oxidado, de numeração 229405, com 03 munições intactas;
* Uma moto Honda 125 titam, de cor azul, placa KME 6506;
* Uma moto Honda 125 FAN, de cor vermelha(pintada de preta), de placa LFK 1083;
* Uma moto Honda 125 today, vermelha, placa CH-788.


De acordo com informações repassadas pelo Comandante do 9º BPM, o Major Afonso Antônio Galvão, o bando vinha agindo de forma constante em várias cidades que fazem parte da área de atuação da Unidade Militar. “Foi mais uma ação exitosa dos nossos valorosos policiais.
www.setimaregional.com.br com informações do ASCOM 9ºBPM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.