segunda-feira, 17 de março de 2014

Depois de ser mal interpretado nas redes sociais, ator global enaltece a cidade de Picuí/PB em rede Nacional no hórario nobre.

O ator global, Juliano Cazarré se encontra em Picuí fazendo gravações do filme “Valeu Boi”

Juliano Cazarré
No inicio da semana o ator Juliano Cazarré causou polêmica na cidade ao usar a rede social e postar uma foto do relógio de pedra recentemente inaugurado e “parado”.

O ator postou: “Picuí, onde o tempo não passa”. Naturalmente a critica não foi bem aceita por picuienses. Alguns acharam que foi um deboche.

Para se redimir, na noite deste domingo(16), o ator participou do programa do Faustão e, mesmo a legenda na telinha da Globo e Faustão dizerem que ele estava direto de Campina Grande, o ator fez questão de corrigir que estava direto da  Capital da Carne de Sol em Picuí, na Paraíba .


O filme “Valeu Boi” está sendo gravado desde o inicio de março, em Bezerros Agreste, Pernambuco, entre outras cidades como Picuí na Paraíba.  O filme é do pernambucano Gabriel Mascaro, diretor do documentário “Doméstica” (2012). Já no filme “Valeu Boi” o ator global interpreta o vaqueiro Iremar.

A historiadora Fabiana Agra entre outros internautas externaram repudio a fala do ator, quando dizia que em “Picuí o tempo não passa”, contudo há muito tempo que Fabiana Agra, como ativista política, vinha reivindicando não só a melhoria no visual do centro da cidade, mas também que o relógio fosse colocado em funcionamento.

Para um cartão postal mais visível, algumas pessoas ainda opinam que o relógio ficasse no alto e não como relógio de pulso.  Já para o técnico em mineração Antonio de Pádua Sobrinho, o Relógio de Pedra destaca as riquezas minerais da região.  “Sem contar que a história de Picuí, desde o finalzinho do século XIX, tem o minério como seu elemento propulsor de progresso. Então, tais construções chegam numa boa hora, a hora de mostrar Picuí para o mundo, de mostrar o nosso potencial e o que temos para oferecer”, disse.


Texto: Dema Macedo.
Fotos: Instagram

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.