sábado, 17 de maio de 2014

Bebida alcoólica e imprudência causa morte e feridos nas ruas de Campina Grande em noite de sexta-feira. Até quando precisará morrer gente?

Até quando pessoas terão que morrer em Campina Grande no trânsito louco dos que consomem álcool e do imprudentes que dirigem sem habilitação.
Até onde as autoridades acreditarão que blitz, operações paradas em pontos fixos trarão resultados? Onde no mundo tecnológico em segundos todos sabem onde tem blitz e vão beber no outro lado da cidade onde a polícia não se deslocará naquela noite. 


Uma colisão entre um veículo Celta e um Peugeot, deixou um saldo de cinco pessoas feridas, inclusive uma criança de dois anos.
O acidente ocorreu por volta das 23h00 desta sexta-feira (16/05) no cruzamento da Rua Siqueira Campos com Avenida Floriano Peixoto, no São José, em Campina Grande.
A guarnição do sargento David realizava rondas quando se deparou com um veículo celta.
O condutor deste carro ao avistar a polícia empreendeu fuga e quando chegou ao cruzamento, avançou o sinal e colidiu seu veículo com um Peugeot.
O impacto foi tão forte que dois ocupantes do Celta e três ocupantes do Peugeot ficaram feridos e foram socorridos pelo SAMU.
Welington Gomes, 37 anos, que conduzia o Celta, morador do Jardim Continental, ficou preso às ferragens e teve fratura exposta.
De acordo com familiares do rapaz, ele estava comemorando aniversário e teria ingerido bebida alcoólica.
A polícia acredita que, pelo fato de ter bebido, ele tentou evitar a ação da guarnição.
Os ocupantes do Peugeot:
O casal Luzimere Monteiro da Silva, 36 anos e Everaldo Neri da Silva, de 38 anos, além  do filho Rafael Neri da Silva, de 2 anos.
Eles moram no Catolé.
Todos estão internados no Hospital de Trauma. 
fonte: RenatoDiniz.com


Até quando transeuntes e motoristas terão que morrer na avinda Dinamérica para que as autoridades DESENHE uma faixa de pedestres, coloquem redutores de velocidade, fixem placas de sinalização no local?
Custa tanto dinheiro assim sinalizar o trânsito?
Não seria a hora de vítimas do trânsito entrarem com processo contra o órgão fiscalizador de trânsito do município?

Às 23h22, 16/05/2014, o Centro Integrado de Operações da Polícia Militar registrou um acidente com vítima fatal na Avenida Dinamérica Correia Lima, no Dinamérica (próximo à borracharia 24 horas).
Maria do Socorro Souza Pequeno, 50 anos, que morava na Rua Damasco, bairro Santa Rosa, tentou atravessar a avenida quando foi atropelada por um veículo Astra de cor branca.
Ela morreu na hora.
O condutor do carro abandonou o local.
fonte: RenatoDiniz.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.