sábado, 31 de maio de 2014

Operação Revide: 13ªAISP- Picuí em parceria com a DEICOR do RN prende três acusados de torturar casal em Baraúna/PB





 Nas primeiras horas desta sexta-feira, 30 de maio, uma equipe da polícia Civil formada por 9 policiais da Seccional de Picuí sob o comando dos Delegados João Joaldo e Dianni Regina em parceria com uma equipe de 8 policiais da Deicor do RN que teve a frente os delegados Odilon e Dra. Sheilla, deram cumprimento a três mandados de prisão expedidos pela comarca de Picuí/PB.

Dentre os presos estão um Soldado da Polícia Militar do RN que trabalha como instrutor de Tiro, Darlan Santana Carvalho, o de boné na foto acima, David Albino Barbosa, 20 anos e seu pai, Eriberto Martins Barbosa, 36 anos, ambos comerciantes.
Todos os acusados eram residentes no bairro Planalto e segundo eles não houve nenhum tipo de estupro, vieram a Baraúna/PB recuperar os R$3.000,00 roubados da residência do PM, crime praticado pela mulher. quando vieram em Baraúna pegaram a moto do casal como seguro após o casal dá-lhe para eles levar para o RN enquanto recuperavam o dinheiro. E que ao saírem da cidade o casal tinha dito que iria voltar para Natal e iriam com eles. quando chegaram na divisa mudaram de ideia e pediram pra descer do carro, ficando na estrada.
Negaram as acusações imputadas a eles na época por um PM de que eles haviam ido cobrar dívidas de drogas.

O Mandado de prisão foi expedido diante das provas testemunhais de que o casal havia sido agredido até diante de seus filhos menores, além de exames onde foi constado atos de barbáries contra ambos. (detalhes em nova matéria)

Eriberto e David foram recambiados para a Cadeia de Picuí na Paraíba e o Soldado Darlan ficou detido no Batalhão da cidade de Natal/RN. Se condenados o PM será expulso da corporação, além de ficarem todos presos por Tortura.

www.setimaregional.com.br

Agradecimentos ao pessoal do DEICOR pela atenção, apoio e logísticos dados nesta operação e em outras feitas em parceria.--- 13ªAISP/Picuí

Reveja Matéria divulgada pela mídia no período do Crime.


A Polícia Militar da Paraíba registrou nesse domingo (13), o sequestro de um casal, que teria sido estuprado e roubado na cidade de Baraúnas, no Curimataú do estado. As vítimas foram liberadas na cidade de Jacanã, no Rio Grande do Norte, a cerca de 40km do local de onde ocorreu o crime.
De acordo com informações contidas na Súmula de Ocorrências Operacionais da PM, o casal relatou que quatro homens chegaram em um veículo preto e, armados de pistolas, arrombaram a porta da casa das vítimas a procura de dinheiro.
Ainda de acordo com a PM, como os suspeitos não encontraram nenhum valor, eles levaram o casal e a motocicleta dele. As vítimas disseram ao sargento Wellington que foram durante o seqüestro foram estupradas.
Guarnições da Rádio Patrulha e CPU das cidades de Cuité, Nova Florestas e Baraúnas fizeram um cerco no local da ocorrência, mas devido a demora para comunicar o crime, os policiais militares não tiveram êxito na prisão dos suspeitos.
Segundo o major Afonso Galvão, comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar de Cuité, o casal teria envolvimento com o tráfico de drogas e os bandidos estavam em busca de dinheiro para pagar a dívida adquirida pelas vítimas.
“Fizemos um levantamento e constatei que o casal é viciado em drogas e as vítimas deviam ao tráfico. Como não fizeram o pagamento, os bandidos vieram cobrar”, comentou o major Galvão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.