quarta-feira, 2 de julho de 2014

POLÍCIA CIVIL de ARARUNA/PB conclui inquérito e indicia traficante de drogas

A Polícia Civil de Araruna concluiu o auto de prisão em flagrante hoje, dia 02/07/2014, quarta-feira, e indiciou por Porte Irregular de Arma de Fogo e Tráfico de Drogas a pessoa de Kleiton Kleldir da Silva, de 26 anos de idade.
O traficante foi preso ontem, dia 01/07/2014, terça-feira, pela polícia militar, mais precisamente pelos policiais militares Cabo Gentil, e soldados Gilson e Gláucio e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil para a lavratura do flagrante.
O Delegado de Araruna, Dr. Ilamilto Simplício, informou que apesar da pequena quantidade de maconha apreendida com Kleiton, foram encontradas apetrechos para acondicionados de pedras de crack, o que levou o Delegado a concluir que Kleiton na verdade é um dos pequenos traficantes de drogas da cidade de Araruna, apesar de ele negar e dizer que é apenas usuário.
Segundo o Delegado a convicção para indiciar Kleiton por Tráfico de  Drogas se dá também em razão das várias ligações anônimas para a Delegacia informando que Kleiton estaria chefiando uma “boca de fumo” nesta cidade de Araruna.
“Não há a menor dúvida de que Kleiton é um traficante de drogas, embora de pequeno porte, e com já disse apesar da pequena quantidade apreendida com ele, as circunstâncias reforçam a nossa decisão em indiciá-lo por tráfico de drogas”, concluiu o Delegado.
Para finalizar o Delegado parabenizou os policiais militares Cabo Gentil, e soldados Gilson e Gláucio pela rapidez no atendimento à denúncia anônima recebida e pela prisão em flagrante do traficante.
O Delegado informou ainda que esta foi a segunda prisão importante de traficantes na cidade de Araruna. Há três semanas foram presos mais dois traficantes aqui em Araruna, um deles foragido de Campina Grande.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.