sábado, 23 de agosto de 2014

Ex-detento de Picuí é encontrado esquartejado em São Sebastião de Roça/PB

Chegou ao fim a vida de crimes de José Wermeson da Silva, mas conhecido por Miquelangelo, com 22 anos, filho natural de Picuí/PB.

Nas primeiras horas deste sábado, 23 de agosto de 2014, foi encontrado o corpo de Miquelangelo esquartejado em uma caixa de verdura na zona rural de São Sebastião de Lagoa de Roça, mas precisamente no sítio Camucá.
Ainda não se sabe ao certo os motivos da morte e quem tenha praticado, mas que Miquelangelo no passado respondeu por crimes na cidade de Picuí.
A equipe de homicídios da 12ªAISP- Esperança que tem a frente o Delegado Cláudio Marques investigarão mais esse crime brutal ocorrido na região.

Miquelangelo é o segundo morto na região com requintes de crueldade, o primeiro foi o Índio de Remígio. Reveja o caso.


Reveja a prisão de Miquelangelo ocorrido em 2011.

Miquelangelo é acusado de Tentativa de Homicídio e roubo de motos na região do Curimataú Paraibano.
Foi dado cumprimento ao mandado de prisão de JOSÉ WEMERSON DA SILVA, mas conhecido por MIQUELANGELO.
O mesmo é acusado de tentativa de homicídio contra o popular ronaldo e por ter roubado motos na região de Nova Palmeira/PB.
Ao saber que a polícia de Picuí estava a sua procura desde o fato o mesmo evadiu-se da cidade. Após policiais da 7ªDRPC trocarem informações com policiais de outras delegacias da região conseguiram obter informações de que um desconhecido jovem   estava abordando populares na cidade de Remígio mostrando uma cicatriz na barriga e que possuía várias tatuagens, pedindo “ajuda” em dinheiro. Após o conhecimento dessa informação  uma equipe foi  enviada para a cidade e após alguns dias observando o movimento da cidade identificaram MIQUELANGELO, próximo a Loja Alumínio Planeta abordando uma pessoa pedindo dinheiro para ajudá-lo dizendo que era doente e mostrando a cicatriz que o mesmo tinha na barriga.
Os policiais seguiram MIQUELANGELO na intenção de saber se o mesmo estava armado, após verificar que ele não demonstrava perigo para os transeuntes deram voz de prisão, o qual não reagiu.
Após a prisão recambiaram MIQUELANGELO para a Delegacia Regional de Picuí e o encaminharam para a cadeia pública onde aguardará julgamento.
Vale salientar que fazia poucos meses que estava em liberdade por outro crime cometido na comarca de Picuí/PB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.