quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Polícia prende acusado de roubar banco na AABB e em Puxinanã/PB

A polícia prendeu, no começo da tarde desta quinta-feira (22), Michel Souza de Lima, de 27 anos, acusado de integrar um grupo de criminosos que, na madrugada de hoje, explodiu caixas eletrônicos do Banco do Brasil, na cidade de Puxinanã. Ele foi preso durante um cerco que policiais militares fizeram em uma área de sítio, no bairro de Bodocongó, em Campina Grande, e confessou o crime. As diligências já duram mais de oito horas e mobilizam 40 policiais de várias unidades operacionais.bandido5
De acordo com o comandante do 2º Batalhão, major Gilberto Felipe, o acusado mora no bairro do José Pinheiro, em Campina Grande, e já cumpriu pena por roubo, no estado do Rio Grande do Norte. “A prisão dele representa a desarticulação de uma quadrilha interestadual suspeita de explosões a banco, pois ele confessou que praticou a ação com outros cinco integrantes, sendo um da Paraíba e os outros quatro do estado da Bahia”, informou.
Major Gilbertou acrescentou ainda que o bando que agiu contra o banco de Puxinanã é o mesmo que, na última segunda-feira (19), tentou explodir os caixas eletrônicos da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB), no bairro São José, em Campina Grande. “Já tínhamos identificado que os carros apreendidos eram os mesmos que foram usados na ação contra os caixas da AABB e o suspeito preso confessou o crime”, afirmou o policial.
O acusado foi levado para a Central da Polícia Civil onde, pela manhã, a polícia entregou o dinheiro recuperado, quatro bananas de dinamites e dois carros apreendidos com o bando, que foi interceptado durante a fuga.
Michel Souza é o 105ª suspeito de roubos ou furtos detidos desde o dia 9 de janeiro pela Polícia Militar da Paraíba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.