quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Policial Civil morre em serviço na cidade de Puxinanã/PB após troca de tiros com bandidos.

No final da tarde desta terça-feira (06/10) o policial Civil Marcos Paulo Vinicius de Souza, 43 anos, foi ferido gravemente numa troca de tiros com bandidos na cidade de Puxinanã.
Durante a cirurgia ocorrida por volta das 23:00hs o mesmo não resistiu e veio a óbito.

 
O policial Marcos, mas conhecido entre amigos como "Marquinhos", também era dentista, sofreu três disparos (um no braço e dois no abdome).

Dois suspeitos também foram baleados e um morreu por volta das 21h00.
Trata-se de Francisco Alberto da Silva, 25 anos.
O ferido foi identificado como Eric Menezes de Lima, 18 anos.
Marcos era um dos membros do Núcleo de Homicídios de Esperança- 12ªAISP, composto por apenas 3 agentes para uma região de mais de 20 cidades, que também realizava serviços de encargo de outros grupos não criados na região, com isso além de investigar Homicídios eram incumbidos de investigar grupos de assaltantes, tráficos de drogas, etc. 

Tudo aconteceu durante uma investigação.
A PC estava averiguando informações de que um grupo de ladrões estava numa casa por trás de um mercadinho.
Durante a verificação das informações os policiais foram surpreendidos pelos bandidos, havendo com isso uma intensa troca de tiros.

(Não foi confirmado ainda se Marcos estava de colete no momento da ocorrência, mas pelo que se sabe o colete que ele tinha utilizado na última operação era de tamanho inferior ao seu tronco, deixando parte de seu abdome desprotegido).

Duas motocicletas, pneus de carros, rodas, um teclado, munições de vários calibres, roupas novas ainda em embalagens, um revólver e outros objetos foram encontradas na residência.

Marcos participou de grandes prisões na região da 12ªAISP, dentre tráficos de drogas, cumprimentos de mandados de prisão e elucidações de Homicídios ocorridos na cidade de Remígio.

***********

Marcos é filho da cidade de Montadas, deixa esposa e 3 filhos.
************

3 comentários:

revoltado disse...

Ai eu te pergunto. O pessoal dos direitos humanos vai nem sequer visitar a família desse cidadão? Mas se ele tivesse matado um marginal, com certeza os direitos de bandidos, cairiam em cima dele

Anônimo disse...

Grande homem,guerreiro....fez muito por Remígio!!!!! Descanse em paz Marcos,vai com Deus. Triste com sua partida.Remigio e região perderam um grande homem!

Anônimo disse...

descase em paz marquinhos!

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.