domingo, 3 de janeiro de 2016

Detento foge pela porta da frente de presídio de João Pessoa na Paraíba. Detalhe: Ele é ex-agente penitenciário.


O detento Carlos Alberto Barbosa de Brito, conhecido como 'Chacal', é um ex-agente penitenciário e está condenado a 20 anos em regime fechado pelo crime de homicídio. Na tarde do sábado (2) ele trabalhava na limpeza quando teria aproveitado um descuido de um agente penitenciário e escapado pela porta da frente. Após correr alguns metros, o detento se encontrou com uma pessoa que estava de moto, fugindo rapidamente do local. Até o momento ele não foi encontrado. Para investigar o caso, a Polícia Civil instaurou um inquérito e o agente envolvido foi afastado. Ele deverá responder por facilitação de fuga não intencional.

O diretor do Róger, Lincoln Gomes, limitou-se a dizer que o agente não teria facilitado a fuga, tendo sido apenas negligente. "Ele não esperava a fuga, mas aí é com o delegado, ele que irá investigar", comentou.


O presidente da Agepen-PB descreveu a atividade dos profissionais que trabalham no Róger como "trabalho de guerreiros que sustentam o caos do Estado com os próprios punhos", pedindo cautela a todos frente aos julgamentos precipitados que possam ser direcionados ao agente penitenciário responsável pela guarda do portão no momento da fuga.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.