segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Tragédia e mortes no Algodão de Jandaíra- RETIFICADA

 Um assalto acabou em tragédia em Algodão de Jandaíra, no Cúrimtau paraibano. Duas pessoas morreram e outras três ficaram feridas com disparos de arma de fogo. O fato ocorreu por volta das 5h da manhã do dia 15/10/2010(sexta-feira) quando dois bandidos armados de pistola invadiram a residência do agricultor Aloísio Batista da Silva, 65 anos, mais conhecido por "Didi", na zona rural daquele município,mas precisamente no sítio Jandaíra. Os bandidos tomaram a quantia de R$ 3.500 do agricultor e desferiram três tiros contra ele, porém ele sobreviveu aos tiros.


 Parentes e vizinhos da vítima que moram na local ouviram os disparos e correram em socorro do idoso. Eles entraram em confronto com os assaltantes e três deles foram feridos a bala, e um outro foi atingido com um tiro no peito vindo a óbito ainda no local, José Alves Moisinho, 38 anos, vizinho do agricultor. Mas fato curioso é que um
dos assaltantes, que era da da cidade de Jaçanã/RN, cuja identificação já foi obtida, também foi encontrado morto, a poucos metros do local do assalto. Há a hipótese de acerto de contas entre os assaltantes, "pode ter havido uma desavença, devido a divisão do produto do assalto". os corposforam levados ao Núcleo de Medicina e Odontologia Legal - NUMOL, antigo IML, em Campina Grande/PB.

 Além de seu Aloísio, que ficou baleado, e das vítimas fatais, foram alvejados Pedro Clementino da Silva, 35 anos, e um rapaz conhecido por "Edinho", morador da comunidade. As vítimas foram levados para o Hospital de Esperança e depois transferidos para as unidades de saúde de Campina Grande, segundo informou a dona de casa Maria Adélia Alves Moisinho, irmã da vítima fatal, José Alves Moisinho.

 De acordo com o sargento Edvaldo Pereira, os bandidos estavam encapuzados e conduzindo uma moto de cor preta tomada por assalto de um rapaz conhecido por "Romário". Eles deixaram o veículo em uma estrada próxima a casa de seu Aloísio, a cerca de 300 metros, e foram a pé até a sua residência. Lá, anunciaram o assalto e depois desferiram os tiros contra o agricultor. José Moisinho, preocupado com o seu pai Agenor Alves Moisinho, que mora vizinho a seu Aluísio, resolveu saber com outras pessoas o que tinha acontecido.

Antes de chegar ao imóvel, José Moisinho se encontrou com um dos bandidos que corria em sentido contrário e levou a pior. Ele sofreu um tiro no peito esquerdo e caiu. O bandido, por sua vez, continuou a corrida até a estrada para pegar a moto. Revoltados com o fato, pessoas da comunidade saíram em perseguição do bandido e uma delas conseguiu alvejar um dos assaltantes com um tiro o qual veio a óbito. 

"É LAMENTÁVEL ESSE CRIME OCORRIDO NA CIDADE DO ALGODÃO DE JANDAÍRA, VALE SALIENTAR QUE A MESMA POSSUI UMA GUARNIÇÃO DA POLÍCIA MILITAR DISPONÍVEL DURANTE TODA SEMANA, SÓ QUE A CIDADE POSSUI VÁRIAS ESTRADAS DE TERRA QUE INTERLIGA COM AS CIDADES VIZINHAS DE BARRA DE SANTA ROSA, POCINHOS, ESPERANÇA. ESTRADAS  AS VEZES DE DIFÍCIL LOCOMOÇÃO PARA CARROS MAS DE GRANDE FACILIDADE DE FUGA COM MOTOCICLETAS, AS INVESTIGAÇÕES CONTINUARÃO SOB O COMANDO DO DELEGADO LAMARTINE LACERDA, RESPONSÁVEL POR ESTE MUNICÍPIO "
retificada no dia 20 de out de 2010- redator/ Ag. de Investigação: Franklin Basilio; colaborador / Ag. de Investigação: Gilvan Fernandes

11 comentários:

Anonymous disse...

na cidade de jaçana rn, tem varios traficantes de drogas,roubam,matam e ninguem e pego, o pessoal sai tudo dos sitios pois eles assaltam mesmo. só a policia federal desfassada e quem descobriam esa bandidagem nessa cidade, e pessoas enriquecendo sem ver de ondem saí,tem varios suspeitos, os sitios estão ficando isolados, e gente armados na cidade deveriam ter uma fiscalização minuciosa.lugar bom de morar mais a policia não pega ningum, so quando aconteçe alguma coisa na paraiba quando eles fzem e que tommam providencia. paraiba tem justiça, rio grande do norte,a justiça e falha.
façam um levantamento do crimes e dos roubos e ninguem e pego la em jaçnã. tem mafia grande lá. mais não e descoberta. so a policia fedeal eu confio.

Anonymous disse...

A polícia da Paraíba deveria fazer um integração com a do RN pois só assim consegueriam combater os traficantes e assaltantes de nossa região e bom seria mesmo era vim novos policiais para fazer este serviço pois queira ou não tem gente da polícia envolvido com o tráfico e os roubos na região.Hj a região de Nova Floresta e Jaçanã estar pior que o Rio de Janeiro.Pois as pessoas sabem quem são os bandidos mas a polícia não faz nada,isto é muito estranho.

Anonymous disse...

Com certeza sou um cidadão honesto,mas infelizmente a nossa região estar sofrendo a muitos anos com a bandidagem ( Roubos e mortes )e as nossas autoridades não fazem praticamente nada para combater estes meliantes,quando falo que pode ter policiais envolvidos é na verdade se referindo aos acontecimentos da nossa região onde os cidadãos de bem sabem quem são os bandidos ( Traficantes e ladrões ) e estes não são presos pelas autoridades competentes.Os governantes dos nossos estados deveriam seguir o exemplo do Rio de Janeiro e dar um basta nesta situação pois ficou provado que são meia dúzia de bandidos aterrorizando milhares de cidadãos de bem.

Anonymous disse...

Caro senhor,

Infelizmente o anonimato, às vezes é prjudicial. As informações a que o senhor referencia, de se saber quem são os bandido e que as autoridades não tomam providências, é necessário informar ao senhor que se a prisão não ocorrer em flagrante de delito, só porderá ocorrer mediante MANDADO JUDICIAL. Para que ocorra prisão em FLAGRANTE são necessário o corpo de delito da prisão (droga, objetos roubados, ou, até mesmo, vítima - em caso de homicídio), vítima (em caso de furto ou roubo), testemunhas (pelo menos 02). Lembrando que se as testemunhas forem apenas policiais, como na grande maioria dos casos, os advogados conseguem que o juiz relaxe a prisão. Nossa profissão é dificil, e se a população não ajudar, ainda pode ficar pior. Como foi explicitado anteriormente, nós trabalhamos em parceria com os policiais do Rio Grande Norte e se há policiais envolvidos, é necessário que a população formalize denúncia na corregedoria da Polícia (do Rio Grande do Norte ou da Paraíba), ou ainda na Promotoria de Justiça (Ministério Público). Não se ofenda quanto ao fato de se questionar quanto ao fato do senhro ser um cidadão, mas existem pessoas que se utilizam do anonimato para depreciar o nosso trabalho, embora nós façamos o que está ao nosso alcance. Estamos a disposição da sociedade, é pra ela que trabalhamos, se alguns policiais deixam de fazer seu serviço, prejudica tanto o tabalho quanto a confiança da sociedade em na polícia. Mas lembre-se que existe maus profissionais em todos os setores (médicos, juizes, promotores, etc.),. não só na polícia. Formalize denúncias dos policiais que o senhor acha que "ajudam" aos bandidos nas Promotorias ou nas Corregedorias.
Gilvan Fernandes - 7ª DRPC

Anonymous disse...

Neste caso porque as autoridades não fazem trabalhos preventivos com blitz nas divisas dos estados,poderiam usar das informações que tem aos seu alcance para combater os roubos de motos e narcotráfico em nossa região,se falam que tem que ter flagrante que se faça o flagrante junto com a promotoria, a polícia civil tem seus informantes e com isso consegue saber quem pratica estes atos de bandidagem e combater esses bandidos.Será que é preciso fazer uma força tarefa para combater meia dúzia de bandidos de 3 cidades??? que juntas não somam 35 mil habitantes ??? Olhe para os sítios da nossa região os habitantes estão fugindo de lá hj praticamente não se encontra mais moradores nos sítios.Me deculpe mas fico idignado com o que estar acontecendo no curimataú da Paraíba e no traíri do Rio Grande do Norte a população estar abandonada pela suas autoridades.Sei que tem profissionias corruptos em todas as autarquias mas são muitos poucos.Não estou dizendo que os nossos policiais são corruptos mas que estão de braços cruzados olhando o que estar acontecendo e sim eu confirmo.Não só os policiais mas tambem a igreja os prefeitos a justiça,todas as autoridades de nossa região que seja civil ou militar.

Anonymous disse...

Prezado(a) Senhor ou Senhora (já que o anonimato não lhe identifica).

Com todo respeito,

Não se trata de fazer flagrante apenas, bem como não é necessário que a promtoria esteja presente, nem tampouco da polícia, já que segundo a Constituição Federal prevê que em seu artigo 144 que "A Segurança Pública, dever do estado, direito e responsabilidade de todos é exercida para a preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio..." e o Código de Proceso Penal em seu artigo 301 prevê que "Qualquer do povo poderá e as autoridades policiais e seus agentes deverão prender quem quer que seja encontrado em flagrante delito". Ou seja, cabe a sociedade preservar a justiça também, e é obrigação das autoridades e da polícia fazer preservar a justiça.

É fácil ser pedra, difícl é ser vidraça.

O fato é que ninguém quer testemunhar, os criminosos são presos e voltam para a rua porque as testemunhas modificam as versões quando estão em frente ao juiz, às vezes por ameaça, às vezes por "acordo".

Estamos à disposição para atender a sociedade.

Gilvan Fernandes - 7ª D.R.P.C.

Anonymous disse...

Realmente criticar as policias é fácil e até de mais, no meu ponto de vista o erro começa pelos próprios politicos locais q apadrinham seus eleitores q na maioria das vezes todos são deliquente, nesse caso pra que serve fazer barreiras se não da tempo nem se quer o veiculo ser apreendido para everiguação q os politicos locais já começam a precionar quem estiver na frente da operação, dizendo q na cidade deles todos são homems de bens, ai fica a pergunta quando é quem vão deixar as policia trabalharem, ai sim o negócio vai, muito obrigado.

Anonymous disse...

Bem eu gostaria de retificar a esse comentário do colega anonimo, dizendo q aqui em Jaçanã a Polícia não prende ninguém, nem um bandido, nem um traficnte, eu acho q o colega esta desenformado, pois a PM de Jaçanã prende sim e como prende, inclusive só pra vc lembrar um pouco em maio de 2010, foi preso em flagrante dois policiais civis da PB q estavam praticando crimes de estorção mediante sequestro, pois pra o senhor saber esses safados só passaram 27 dias presos e já estão solto praticando o mesmo crime q é a especialidade deles, e ai é culpa da polícia de Jaçanã, ou da justiça, será q não houve padriamento politico ai da PB, fica minha esclamção?????????????

Anonymous disse...

Com relação a este fato lamentável ocorrido com dois policiais em Jaçanã/RN, ainda existe dúvidas sobre a abordagem da polícia local. A justiça que soltou foi a do RN e não da PB, então não como questionar sobre apadrinhamento. Para um juiz vir a soltar alguém para responder em liberdade ele requer provas sobre a idoneidade dos mesmos, porque se o negocio fosse dinheiro os mesmos estariam presos, pois a polícia da PB não tem um dos melhores salários do nordeste. E sempre existiu uma divergência entre as polícias militares e civis tanto dentro do Estado como em Estados diferentes. Acredito que o individuo que acusou os policiais de seqüestro deve ser um homem "HONESTO", nunca deve ter sido preso.SERÁ QUE ESTOU CERTO???
Se esses policiais eram corruptos quem garante que a suposta vítima de seqüestro não possui seu contato na polícia local de Jaçanã, já que vocês dizem que a polícia local não prende ninguém e quando a polícia de fora prendeu, a polícia local chegou para desfazer o serviço e virá toda a situação contra os policiais da PB. Acredito que vocês deveriam olhar a situação como um todo e não somente pela versão de um lado. Obrigado pela oportunidade de poder esclarecer alguns pontos.

Anonymous disse...

Claro amigo anonimo, quem solto os dois policiais civis corruptos foi a justiça do RN, isso nós estamos acompanhando o processo, agora eu te pergunto será que esses dois policiais q estão sujando a polícia civil da paraiba por nome de ROGÈRIO e MARCONE, não são velhos conhecidos de vítimas ai em seu estado, pois não tenha dúvida q a polícia militar do RN fez a parte dela,queria só q vc fizesse um levantamento de quem são esses policiais ai na policia de vcs, pq a Polícia Civil da PB tem muitos homens de vergonha e honesto, como é o caso desse nosso companheiro FRANKLIN, q ele mesmo diz, que alguns só faz durmir e não honra sua postura mais tudo bem queria só q vc entendesse isso, e muito obg pelo espaço. Desde já agradeço.

Agente Franklin - Admin disse...

Já que deram nomes aos ditos cujos, que seja o nome certo, Marcone Bento- já que lá também trabalhou outro Marcone para não haver trocas. E o outro era Rodrigo Venâncio e não Rogério.

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.