quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Adolescente morre esfaqueado em escola pública de Picuí, na Paraíba



O adolescente de 14 anos, Erik Wesley Cardoso da Silva  morreu dentro da sala de aula após uma briga com outro adolescente de 15 anos na tarde desta quarta-feira (20) na Escola Estadual Felipe Tiago Gomes, no município de Picuí. Segundo a enfermeira do Samu Aline Lima, responsável pelo atendimento à vítima, o estudante morreu após sofrer um ferimento de arma branca no peito.


De acordo com o soldado Leonardo, do 9º Batalhão de Polícia Militar em Cuité, o motivo do crime seria ciúmes devido a uma namorada. Um tumulto na frente na escola se formou após a população da cidade descobrir o caso em que o adolescente chegou a óbito ainda dentro da escola.


“A guarnição precisou contornar um tumulto na frente da escola. O adolescente de 16 anos suspeito de ser o responsável pela agressão foi encaminhado para delegacia, onde será registrada a ocorrência”, explicou. Até as 18h desta quarta-feira a Polícia Civil de Picuí informou que o adolescente agressor não tinha chegado até a delegacia do município e que provavelmente seria realizado todos os procedimentos em uma outra Delegacia pertencente a 7ª DRPC, ou se for necessário levar a outra Regional, devido a comoção ocasionada na cidade após o falecimento da vítima.
Os procedimentos ficarão a cargo do Delegado Plantonista Durval Barros, estiveram presentes na ocorrência os policiais Civis Marcelo Neto e Carla Gianne.
A Guarnição Militar comandada pelo Sd Amaral solicitou apoio a ROTAM do 9ºBPM para apaziguar os ânimos da população.
A Secretaria Estadual de Educação (SEE), com sede em João Pessoa, informou que enviou até o local a gerente de educação da 4ª região, Maria das Graça Medeiros, responsável pela área de ensino de Picuí. A assessoria da secretaria informou que a própria escola acionou o Samu para que o aluno fosse socorrido.
Não haverá aula nesta quinta-feira (21) na Escola Estadual Felipe Tiago Gomes. A confusão aconteceu entre um aluno do 7º ano e outro do 8º, segundo informou a Secretaria de Educação da Paraíba, que disse ainda que será realizado na próxima semana um trabalho de enfrentamento à violência na escola, em parceria com a secretaria de Educação de Picuí.
Versão oficial da 7ªDRPC ainda não foi disponibilizado
fonte: G1 Paraíba com adaptações da 7ªDRPC, no próximo jornal Bom dia Paraíba e JPB1ª edição haverá novas informações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.