quinta-feira, 11 de abril de 2019

Polícia Civil prende traficante na cidade de Arara/PB


Após denúncia anônima enviada pelo 197 dando conta de um tráfico de drogas na rua Padre Ibiapina, 97 Arara, a equipe de Investigadores da delegacia de Arara/PB deram início ao levantamento de informações sobre a veracidade dos fatos, vindo a obter informações sobre o responsável pelo imóvel e sobre os atos ilícitos que vinham ocorrendo no lugar, como tráfico de drogas e movimentação de indivíduos armados. Após o levantamento, foi repassado para o Delegado da cidade, Ricardo Sena, que solicitou ao judiciário autorização para realizar uma busca na residência.
De posse do mandado de busca e apreensão na residência, a equipe de Investigadores da DP de Arara juntamente com os investigadores do GTE de Solânea sob o comando do Del. Ricardo Sena deram cumprimento no início da tarde desta quinta-feira, 11 de abril, ao mandado.
Ao chegarem na localidade dois indivíduos evadiram pulando os muros das casas vizinhas levando uma mochila consigo, na residência ficou IGOR ALLAN, 19 anos, natural de São Paulo, o qual tentou atrasar a entrada dos policiais na residência afim de que os comparsas conseguissem fugir. Na residência a Polícia apreendeu uma balança de precisão, maconha, pó semelhante a cocaína, cartuchos deflagrados de munição .38 e .32. além de R$300,00 próximo a balança.
.
.
Em sua defesa, IGOR que está morando há apenas 5 meses na cidade disse que a maconha era de seu uso, a balança é o dinheiro era de seus amigos que fugiram.
.
E sobre o material que parece com cocaína, disse se tratar de remédio pra dor de barriga moído que ele vendia pros " otários" que pediam a ele.

Ainda foi localizado fotos de IGOR portando um revólver que ele negou onde tinha escondido o mesmo.
Na residência foram encontrados sinais da facção OKAIDA.

IGOR ALLAN foi autuado inicialmente por tráfico de drogas e aguardará a audiência de Custódia preso.


www.setimaregional.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao enviar sua denúncia especifique a sua cidade e Estado e conte detalhes do crime, caso contrário não podemos ajudar.

As denúncias não são publicadas, só os comentários sem denúncias.