sábado, 31 de dezembro de 2011

Menina de três anos é morta por asfixia pelo próprio pai após familiares negarem dez reais para compra de drogas.


Segundo o blog "GiroRN" um homem identificado por José Adelino Neto, 32 anos, havia matado a sua filha de três anos por asfixia após a sua genitora, avó da criança lhe negar dez reais para compra de drogas. O fato ocorreu no sítio Pau de Leite, zona rural do município de Sítio novo/ RN.
Segundo o  Sargento Juvanildo do Grupo Tático de Operações da cidade de Santa Cruz  o pai levou a menina ao matagal que fica a poucos metros da casa sob ameaça de morte. Em seguida o homem retornou a residência sem a menina alegando que a mesma havia sido picada por uma cobra. Ainda segundo o sargento a versão foi descartada devido às marcas encontradas no pescoço da vitima com características visíveis de estrangulamento.
No momento em que avó saiu para fazer compras, Adelino pegou a criança levou para o mato e cometeu o crime. Ao retornar a casa dona Marlene deu de cara com o homem e perguntou por sua neta, foi ai que Adelino disse que nunca mais a haveria, no mesmo momento alegou que menina havia sido picada por uma cobra.
Dona Marlene e a mãe da menina Maria Jessica Anísio do Nascimento de apenas 18 anos e já esperando seu segundo filho de Adelino, foram ao local e encontraram o corpo da pequena Maria Rita sobre os facheiros (mandacaru), e o levaram para casa. Nesse intervalo o pai aproveitou para fugir e até o momento a policia não tem pista do homem.
Segundo a mãe, o homem já havia feito várias ameaças de morte contra ela e sua filha, mas nunca levou a sério que o pior poderia acontecer. Pouco depois que outros policiais chegaram ao local para que o GTO retornasse a Santa Cruz, Jessica grávida de nove meses entrou em trabalho de parto e foi levada para Santa Cruz na viatura da policia.
A polícia continua em diligências seguindo pistas da população na tentativa de prender ainda este final de semana o acusado do crime.
Direitos da fotos e Matéria completa: GiroRN
Leia Mais ››

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Preso acusado de 10 homicídios em Campina Grande/PB; Acusado: Danilo de Souza das Chagas


Homem é apontado como “o terror da Catingueira” e estaria tentando dominar a comunidade com a força das armas. 

27-12-2011.135437_homicidios.JPG
Uma pistola calibre 380, um rifle calibre 44, mais de 80 capsulas e munições. O arsenal que garantia a segurança de Danilo de Souza das Chagas quase não deu espaço para os microfones da imprensa na mesa, durante uma entrevista concedida na Central de Polícia Civil em Campina Grande, na manhã desta terça-feira (27). Era o desfecho de mais uma operação exitosa da PC na cidade.
Ontem, policiais da Delegacia de Homicídios e da 1ª DD fecharam o cerco contra o suspeito, cumprindo um mandado de prisão expedido pela justiça. O procurado estava numa oficina e, devido à eficiência dos policiais, não deu tempo sequer esboçar reação.
O homem é acusado de pelo menos dez homicídios, denúncias que o classificam como “o terror da Catingueira”, comunidade onde mora e tenta dominar pelo poder das armas. Ele é sobrinho de um agente da Polícia Civil conhecido por ‘Chagas’, assassinado no ano de 2007, naquele bairro.
De acordo com a delegada titular da Delegacia de Homicídios em Campina, Cassandra Duarte, as informações repassadas através do número 197 [disque denúncia da PC] sobre o indivíduo podem gerar desdobramentos ‘inesperados’.
- Segundo essas denúncias, ele praticava tiro ao alvo numa granja e é um exímio atirador. Estamos investigando também uma suposta ligação dele com policiais e agentes penitenciários – disse Cassandra.
A delegada acrescentou que, ainda com base nas denúncias do 197, Danilo Chagas pretendia ‘limpar a área’ para dominar a localidade.
- Quem já foi vítima desse indivíduo deve comparecer à Central de Polícia Civil. Nós garantimos o sigilo de sua identificação – afirmou Cassandra Duarte.
Eficiência e precisão
O delegado Danilo Borba, titular da 1ª Delegacia Distrital, parabenizou todos os policiais envolvidos na operação.
- Foi uma abordagem excelente. Nenhum tiro foi disparado no local, e apreendemos essa quantidade de munições e armas. Nossas equipes estão de parabéns – declarou Danilo Borba.
Leia Mais ››

domingo, 18 de dezembro de 2011

Polícia Militar do RN prende foragido da justiça da Paraíba; Foragido: Paulo Cezar Azevedo.

Recebemos informações via e-mail da P2 da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, que no dia 16/12/2011, foi preso  Paulo Cezar Azevedo por furto (arrombamento em um bar, pego com uma quantidade de carne bovina, um botijão de gás e algumas garrafas de bebida) em Nova Cruz-RN pelo GTO da Polícia Militar daquele Estado, segundo o próprio preso o mesmo é foragido da cadeia pública de Mamanguape/ PB e pede apoio para que as autoridades policiais paraibanas providencie o recambiamento do mesmo para este Estado.

Após o recebimento do e-mail verificamos no site do TJPB.JUS.BR que existe um processo em aberto contra Paulo Cezar,o qual deveria está recolhido em cadeia cumprindo pena desde o mês de julho de 2011, sendo por porte de arma de fogo, processo nº 02320090019029, da segunda vara de Mamanguape/ PB.






Paulo Cezar Azevedo
Filiação Paulo Aprigio Azevedo da Silva e Ivonete da Conceição Azevedo,
Natural de Mamanguape/ PB Nasc. 12-06-1983

Blog da 7ªDRPC
Leia Mais ››

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Apreendido paredão de som na cidade de Cuité/PB

 No último final de semana, dias 10 e 11 de dezembro, a equipe do polo Barra de Santa Rosa sob o comando do Delegado João Joaldo Ferreira apreendeu um som tipo Reboque que estava perturbando na cidade de Cuité/PB, obedecendo ordens do magistrado daquela cidade de que veículos com som após as 22:00hs que estivessem ligados deveria ser apreendidos e formalizado o processo- TCO.
O procedimento já se encontra na justiça da comarca de Cuité/PB.

Matéria envida pelo escrivão plantonista do dia: Jackson da Delegacia de Barra de Santa Rosa- 15/12/2011 -- Blog da 7ªDRPC











"Quando ocorrerá ordens desse tipo nas cidades de Barra de Santa Rosa e em Picuí, já que é comum ligações após as 22:00hs de Veículos com som nos bares da cidade e em praças públicas perturbando o sossego dos trabalhadores que querem dormir. Deveria haver uma multa alta para donos desses veículos já que essas cidades não comportam tantos veículos com sons automotivos ligados. Todo mundo pensa que é má vontade da polícia em não realizar serviços desse tipo, mas também precisamos de respaldo."-- Admin
Leia Mais ››

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Divulgado a foto de Jailson e Luiz Nazareno acusados de Tentativa de Homicídio em Baraúna/PB






















Reveja a matéria do Radialista Francisco Araújo :"Foram presos em flagrante na cidade de Baraúna PB, os seguintes acusados: Luiz Nazareno de Araújo Ferreira e Jailson de Sousa Farias (Careca), por tentativa de homicídio contra Janiel de Oliveira Santos. Segundo informações da policia que prendeu os acusados em flagrante, os dois estavam numa moto e um deles fazendo uso de uma arma de fogo disparou contra o Janiel que foi atingido de raspão."


Após a prisão desses dois indivíduos a população começou a enviar comentários afirmando que no dia do fato os mesmos queriam com a ajuda de um terceiro elemento atentar contra a vida do CB PM Wellington do destacamento de Baraúna/PB, mas conhecido por Cabeça Branca. Infelizmente é o preço que nós policiais pagamos por trabalhar certo e não da brecha para bandidos desse tipo. Temos a nossa vida ameaçada principalmente em cidade  pequenas onde na maioria das vezes a guarnição é composta por um ou dois policiais que não tem como conseguir apoio de outros a tempo.
Quem tiver alguma denuncia para fazer sobre estes dois elementos entre em contato com a Delegacia de Picuí- 83-3371-2324, caso contrário vão conseguir a liberdade provisória, após o processo ser analisado pela justiça e os mesmos não tiverem antecedentes criminais --- Blog da 7ªDRPC
Leia Mais ››

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Divulgado foto atual de Biu, neto de Amadeus, acusado de matar Pretinho em Picuí/PB

Na tarde de hoje, Biu de Amadeus foi interrogado pela Delegada Dianni Regina e de acordo com sua versão, quem matou Pretinho foi um amigo deste, que havia chegado de Campina Grande no dia da morte. Segundo Biu, no momento dos disparos, ele estava longe do local do crime, mas chegou a ouvir os tiros e a ver esse tal amigo de Pretinho sair correndo.
O depoimento de Biu será juntado ao inquérito policial instaurado para apurar a morte de Pretinho. As investigações continuam em andamento até o total esclarecimento de tudo que ocorreu na fatídica noite. 

"Pedimos as pessoas que sofreram assaltos nos últimos dias por este individuo da foto acima que registre a ocorrência em sua cidade de origem e informe que reconheceu o Biu como o autor do crime caso tenha sido ele e peça para enviar uma cópia para Delegacia Regional de Picuí, ficamos sabendo através de comentários postados no blog de que houve alguns assaltos em Lan Houses nas cidades de Nova Floresta e Cuité mas até o momento não foi confirmado  pela delegacia, se o seu roubo foi de pequeno valor, pior será se este individuo conseguir a sua liberdade."
83-3371-2324   drpcpicui@ymail.com


Leia Mais ››

Integrante da quadrilha de Valdetário Carneiro é condenado a 101 anos de prisão



Por Sd PM J. Júnior
Fonte: Eduardo Dantas via Cesar Alves
Francisco Sales Fernandes, o “Negão da Serra”, foi condenado nesta quarta feira, 30, em Mossoró a 101 anos de prisão pela morte do então prefeito de Caraúbas Aguinaldo Pereira da Silva e de sua primeira dama Nieta Gurgel, ocorrida em 2001.

A sentença também é pelas mortes dos PMs Ronaldo Rafael da Silva e Cláudio Pereira do Nascimento, que faziam a segurança do prefeito que já vinha sendo ameaçado, e ainda, pelo assassinato do caseiro do casal Everlânio da Silva na mesma ocasião. Negão da Serra está preso há cerca de dez anos e é réu confesso. Inclusive foi com o depoimento dele que o a Polícia Civil pode fazer, com relativa precisão, a reconstituição da chacina e concluir o processo com os nomes de todos envolvidos.

Segundo o MP, além de Negão da Serra, participou também Valdetário Benevides Carneiro, morto em 2003; Francimar Fernandes Carneiro, “Cimar Carneiro”; primo de Valdetário, que foi morto pela Polícia na Bahia em 2005; Francisco Clécio do Nascimento, também morto. Outro envolvido na chacina é José Maria Roque da Silva, que teria ajudado a quadrilha com a localização do prefeito, mas neste caso, já teria se livrado do processo.

O Tribunal do Juri Popular foi presidido pelo Juiz Vagnos Kelly Figueiredo de Medeiros. A Justiça, por uma questão de segurança, não informou ontem Negão da Serra vai cumpri a pena dele. Ontem, 29, Negão da Serra foi escoltado do Presídio de Segurança Máxima Aníbal Bruno, em Recife (PE), onde cumpria pena por assaltos, em uma viatura até o presídio em Nova Cruz, em Natal, e depois encaminhado para Mossoró.

fonte: http://pmcurraisnovos.blogspot.com/
Leia Mais ››