terça-feira, 26 de novembro de 2013

Acidente com veículos entre Mari e Guarabira,PB-073, tira a vida de Sargento da PM e deixa um ferido


Na noite desta segunda-feira (25), uma colisão entre dois veículos na PB-073, mais precisamente no trecho que liga as cidades de Mari e Guarabira, acabou ceifando a vida do Sargento Asilvan, residente do bairro Mangabeira, em João Pessoa. O acidente também envolveu um guarabirense, morador do bairro São José.
Segundo informações, o Sargento Asilvan trafega na PB-073, no trecho que liga Guarabira à Mari em um Fiat Uno de cor verde e placas OEOP-5487/JP quando foi surpreendido pelo veículo Fiat Strada que vinha conduzido por Antônio Costa de Andrade, vulgo "Dunga". O mesmo vinha em direção à Guarabira enquanto Alsivan tinha João Pessoa como destino final.

FOTOS: Acidente com veículos entre Mari e Guarabira tira a vida de Sargento e deixa um ferido
O condutor Antônio Costa foi socorrido para o Hospital de Trauma, em João Pessoa

A equipe de socorristas do Corpo de Bombeiros foi acionada, entretanto, Alsivan veio a óbito ainda no local. "Dunga" foi socorrido, levado para o Hospital Regional de Guarabira e em seguida encaminhando para o Hospital de Trauma, em João Pessoa.
Os veículos ficaram destruídos pelo impacto.
Mais Fotos:


FOTOS: Acidente com veículos entre Mari e Guarabira tira a vida de Sargento e deixa um ferido
Vítima fatal do acidente: Sargento Alsivan

FOTOS: Acidente com veículos entre Mari e Guarabira tira a vida de Sargento e deixa um ferido
FOTOS: Acidente com veículos entre Mari e Guarabira tira a vida de Sargento e deixa um ferido

FOTOS: Acidente com veículos entre Mari e Guarabira tira a vida de Sargento e deixa um ferido

FOTOS: Acidente com veículos entre Mari e Guarabira tira a vida de Sargento e deixa um ferido

Da Redação do Mari Fuxico
com portal independente
Leia Mais ››

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Corpos são encontrados em matagal em João Pessoa/PB; homem foi decapitado e mulher degolada.

Um homem e uma mulher foram assassinados de forma brutal, em João Pessoa. Os corpos foram achados na manhã deste domingo (24) em um matagal no loteamento Engenho Velho, próximo ao bairro das Indústrias. As vítimas apresentavam marcas de perfuração de arma branca pelo corpo. O homem foi decapitado e a mulher degolada.
De acordo com o delegado de Homicídios, Luiz Cotrim, a cena do crime apresenta indícios que as vítimas não foram assassinadas no local. Elas ainda não foram identificadas, mas o delegado acredita que o homem fizesse parte de uma facção criminosa de João Pessoa, por causa da tatuagem de uma carpa no pulso esquerdo. O desenho do peixe é o símbolo da facção.
Segundo o cabo Valdir da Polícia Militar, um morador encontrou os corpos e acionou a Polícia Militar.
A perícia esteve no local e os corpos foram levados levados à Gerência de Medicina e Odontologia Legal (Gemol), localizada no bairro do Cristo.



fonte: Aguinaldo Mota.
Leia Mais ››

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Garota do Piauí não suportou a vergonha do vídeo de sexo gravado no Whatsapp e tira a própria vida após repercussão.

A polícia de Parnaíba abriu um inquérito para investigar as circunstâncias da morte da adolescente Julia Rebeca. Ela foi encontrada morta em seu quarto no último domingo (10). Antes de morrer ela deixou mensagens de despedida e desculpas em redes sociais.
Em sua conta do Twitter, do dia 10 de novembro, a jovem postou frases de pedido de desculpa aos pais e se despedindo. Em seguida, o primo dela atualiza a página, confirmando a morte da jovem e que iria divulgar o local do velório. 
A hipótese é de que ela tenha cometido suicídio após um vídeo de sexo entre ela, uma outra jovem e um homem ter sido divulgado através do programa de compartilhamento de mensagens e arquivos WhatsApp.

Júlia foi encontrada morta dentro do quarto, enrolada no fio da própria chapinha no domingo.
O delegado regional de Parnaíba, Rodrigo Rodrigues, confirmou ao CidadeVerde.com que um inquérito foi aberto para apurar o caso, mas só irá se pronunciar após a conclusão das investigações. Uma tia da jovem foi ontem (13) à delegacia.

O Conselho Tutelar de Parnaíba não foi procurado.

Leia Mais ››