quarta-feira, 27 de março de 2019

Operação BRUMA prende 6 adultos e apreende um adolescente nas cidades de Arara, Solânea e Bananeiras/PB


Foi deflagrado nas primeiras horas dessa quarta-feira, 27 de Março, na região da 21° Seccional de Polícia Civil, a operação BRUMA, com intuito de cumprir Mandados de Prisão e busca e Apreensão em diversos alvos nas cidades de Solânea e Bananeiras, mas para que toda operação desse certo foi realizado a primeira etapa, o preparo da área do briefing onde os policiais se reuniriam para se subdividir afim de atingir os alvos finais, essa etapa ficou a cargo dos Agentes de Investigação de Arara sob comando do Delegado Ricardo Sena, que deram cumprimento ao mandado de Prisão contra Cleiton Cesário, além de busca domiciliar onde encontraram um carregador com uma munição de uma bereta calibre 6.35, diante dos fatos, Cleiton responderá por posse de munição e acessório de uso controlado.

Após a divisão dos alvos policiais civis das cidades de Araruna, Solânea, Bananeiras, Arara, Casserengue, GTE com o apoio da Polícia Militar e Bombeiros se dirigiram aos alvos com os mandados em mãos, onde foi apreendido diversos ilícitos que logo mais será apresentado em coletiva com os nomes dos detidos na operação.

A operação teve a frente o Seccional da 21°AISP, e os delegados das respectivas cidades alvos da operação, os quais após investigação realizada pelas equipes de investigadores solicitaram junto ao judiciário os mandados contra os envolvidos em diversos crimes na região.


Presos:

* CLEITON NAZÁRIO DE LIMA, 19 anos;
* JAILSON DE SOUZA ANÍSIO, 21 anos, conhecido como “BOCA DE CD”;
* MÁRCIO RODRIGO MARTINS DA SILVA, 31 anos;
* JOSE VALTER FREIRE ASSIS, Conhecido por “ESPADA”, 27 anos;
* PAULO VINÍCIUS SILVA DOS SANTOS, 20 anos;
* CREUZA DIAS MARIA, conhecida como “GERUSA”;
* R.C.S., 16 anos.


Leia Mais ››

quarta-feira, 20 de março de 2019

Adolescente de Arara/PB está desaparecida


Já fazem 96 horas desde o desaparecimento da pré-adolescente ADRIELLE NATÉLIA LEITE DA SILVA de 14 anos da cidade de Arara/PB.



Os envolvidos nesse desaparecimento poderão responder criminalmente desde por ter apoiado dando guarida, até incentivado a mesma a sair de casa, desde sequestro, estupro de vulnerável, Aliciamento de menores, dentre outros crimes se comprovado.

A última notícia que a família obteve era de que ADRIELLE foi vista por perto da cidade de Bananeiras/PB no final de semana.

Antes de desaparecer a mesma mantinha contato com um presidiário da cadeia de Solânea, o qual ligava de dentro do presídio para ela, segundo a família .

Quem tiver alguma informação ligar para 197, ou disque 100 dos direitos humanos, ou acionar uma viatura da Polícia Militar mais próxima.

Leia Mais ››

terça-feira, 5 de março de 2019

Mulher tem dedo decepado por mordida causado por outra mulher na capital paraibana.


Uma mulher teve a ponta de um dos dedos decepado por uma mordida de outra mulher na tarde desta segunda-feira (4 de março), durante uma briga em um shopping da capital paraibana.
Toda a ocorrência foi filmada pelos transeuntes e o vídeo circulou em redes sociais. Assista acima.
De acordo com as informações iniciais, a mulher que teve  a primeira falange, que é a parte do dedo que possui a impressão digital e unha foi decepado por uma mordida ocasionado por outra mulher.
Segundo informações a mulher que perdeu parte do dedo seria a esposa de um empresário paraibano e teria encontrado com uma suposta amante dele no shopping e foi tomar satisfação, durante a briga recebeu a mordida e diante disso os filhos da esposa começaram espancar a mulher e após encontrarem o pedaço do dedo saíram do local para socorrer a mulher.

# Não temos as informações confirmadas ainda da identidade das mulheres.
Quem tiver outros vídeos da confusão pode mandar.!
Leia Mais ››

Homem é preso acusado de matar a própria prima na Paraíba


A Polícia prendeu Severino Justino, 52 anos, morador da cidade de Alagoa Nova, ele é acusado de matar a própria prima, com a qual mantinha relacionamento amoroso. O corpo de Ana Clementino da Silva foi encontrado em um matagal na zona rural de Areia/PB.


Ana Clementino da Silva foi assassinada na noite do último sábado, 02, e o corpo abandonado em um estrada nas proximidades da barragem de Vaca Brava, no sítio Cepilho, em Areia.

Os familiares desconfiaram Severino porque Ana Clementino havia sido vista com o acusado na noite do crime e momentos depois, simplesmente desapareceu.

Outra evidência encontrada foi o fato de Severino Justino voltar para casa sozinho e todo arranhado, como se estivesse entrado em luta corporal com a vítima.

Ele foi encaminhado para delegacia de Esperança onde foi autuado pela Polícia Civil.

Leia Mais ››